"Jumanji: Próxima Fase" (2019)

("Jumanji: The Next Level", 2019, direção de Jake Kasdan)


Brantford, New Hampshire

Depois dos acontecimentos de Jumanji: Bem-vindo à SelvaFridge (Ser'Darius Blain), Bethany (Madison Iseman), Martha (Morgan Turner) e Spencer (Alex Wolff) continuam amigos, mas cada um seguindo com a sua vida; alguns deles vivendo longe de Brantford, como é o caso de Spencer, que mora em Nova York e estuda na New York University. No entanto, quando o final do ano chega e todos devem estar na cidade para as festas natalinas, o quarteto marca um reencontro para matar a saudade e colocar as novidades em dia.

No retorno ao lar, Spencer descobre que seu avô, Eddie (Danny DeVito), está passando um tempo em sua casa, recuperando-se de uma cirurgia nos quadris e dormindo no seu quarto. Ali, neto e avô conversam sobre os problemas amorosos entre Spencer e Martha, que estão dando um tempo no namoro, situação que incomoda muito o rapaz. Talvez por isso, no meio da noite, um insone Spencer desce até o porão da casa e começa a mexer no aparelho antigo do jogo de Jumanji; destruído por Fridge no filme anterior, mas que Spencer recuperou e levou para casa sem contar aos amigos.

Na manhã seguinte, no restaurante Nora´s, Bethany, Martha e Fridge estranham a ausência de Spencer e vão até a casa dele. No local, os jovens são recebidos por Eddie e seu antigo sócio, Milo Walker (Danny Glover). Detalhe: no passado, Eddie e Milo foram grandes amigos e antigos donos do Nora´s (que tinha outro nome comercial), mas romperam tanto a parceria como a amizade quando Milo decidiu vender a sua parte no estabelecimento e se aposentar, causando a aposentadoria forçada de Eddie. Quando o trio chega, esses "ex" amigos, que não se falavam a anos, estavam discutindo a relação.


Foto: divulgação

Na casa de Spencer, não demora muito para Martha, Fridge e Bethany escutarem o "chamado de Jumanji" e concluírem que o amigo foi "sugado", novamente, pelo jogo. Sabendo que ele precisará de ajuda para sair de lá, o trio decide se arriscar e ir salvá-lo. Problemas: por causa dos danos sofridos anteriormente, o aparelho não está funcionando bem, não deixando que eles escolham os seus personagens; para piorar, o jogo também "suga" os setentões Eddie e Milo para à aventura na selva.

Bem, este foi apenas um contexto para que nós, espectadores, pudessemos começar a nos divertir - e rir muito! - com um dos filmes de aventura e comédia mais hilários dos últimos tempos.


Em Jumanji

Tão logo pisa em Jumanji, Martha / Ruby Roudhouse (Karen Gillan) percebe que algo está errado com o jogo que ela e os amigos conheciam. Primeiro, ela descobre que quem está ocupando o avatar do Dr. Bravestone (Dwayne Johnson) não é Spencer, mas o vovô Eddie, e que Milo se tornou o zoologista Moose Finbar (Kevin Hart). Logo depois, ela vê Fridge despencar em Jumanji no avatar do Prof. Shelly Oberon (Jack Black). Para piorar a situação, Bethany não apareceu na selva. Por fim, as suspeitas de Martha se confirmam quando ela e seu grupo são recepcionados por Nigel (Rhys Darby), que lhes passa um novo desafio e novas regras para que eles cumpram e possam sair do jogo.

Não bastando ter que lidar com o desconhecido naquele ambiente hostil, sem Spencer e Bethany por perto, Martha e Fridge ainda precisam controlar os ânimos ao lidarem com os dois "idosos em corpos saudáveis", que não fazem a menor ideia de onde estão e do que está acontececendo. Se para os jovens, as falas de Eddie e Milo são de tirar a paciência, para nós, espectadores, elas são de tirar o fôlego, nos fazendo quase morrer de tanto rir.

Para não dar muito spoiler para quem ainda não viu o filme, vou resumir aqui apenas alguns pontos-chave da trama: Marta/Ruby, Fridge/Oberon, Eddie/Bravestone e Milo/Moose devem vencer o vilão da vez, Jurgen the Brutal (Rory McCann), encontrar uma joia que está de posse dele, mostrá-la ao sol e, claro, chamar o nome de Jumanji para concluirem o jogo. Seguindo as pistas dadas pelo mapa de Oberon, eles chegam numa aldeia, onde encontram o neurótico Spencer no avatar de uma ladra chamada Ming (Awkwafina). 

Depois de situações hilárias, onde Eddie/Bravestone e Milo/Moose, literalmente, roubam as cenas, e de fases do jogo cada vez mais difíceis, o grupo se reencontra com Alex/McDonough (Nick Jonas) e Bethany; a jovem, dessa vez, está no avatar de um cavalo que será essencial para o desfecho da história.


Locações

Assim como o seu antecessor, "Jumanji: Próxima Fase" teve cenas rodadas na Geórgia, na Califórnia e no Havaí. Além disso, este filme também usou locações do Estado americano do Novo México e da província de Alberta, no Canadá.


Foto: divulgação

Entre os lugares de destaque da fictícia Brantford estão o restaurante Nora's e a casa de Spencer. Quem assitiu a trilogia logo descobrirá que a dona atual do antigo restaurante de Eddie e Milo é ninguém menos que Nora Shepherd (Bebe Neuwirth), a tia legal dos órfãos Judy e Peter do primeiro Jumanji (1995). A locação usada para ambientar o Nora´s fica no 8 East Washington Street, na cidade de Neunan, no Estado da Geórgia. Quanto à casa de Spencer, ela está localizada no 156 da Westminster Drive Northeast, em Ansley Park, na cidade de Atlanta.

dentro de Jumanji, quatro lugares ganham destaque: a selva, as dunas, o deserto e as terras geladas do norte. 

A cena na selva, quando os jogadores são jogados dentro de Jumanji, foi ambientada na ilha O'ahu, no Havaí, onde também encontra-se a capital local, Honolulu. 

As cenas nas dunas, onde o quarteto precisa fugir de um grupo de avestruzes ferozes, foram rodadas no Imperial Sand Dunes, um parque recreacional para veículos localizado em Winterhaven, no sul da Califórnia. Nele também foram filmadas cenas de Stars Wars, O Escorpião Rei e Laurence da Arábia, entre outras produções cinematográficas.

Quando deixam a pequena aldeia (onde o grupo encontra Spencer e uma ex-namorada de Bravestone), os jogadores seguem para o norte, passando por um deserto. As cenas desse local foram feitas numa região com uma belíssima cadeia de montanhas rochosas e vulcânicas, localizada em Navajo, no Novo México. O destaque aqui fica para a majestosa Shiprock Peak, também presente em muitos outros filmes hollywoodianos.

A parte congelante do filme, onde acontece o desfecho da aventura, foi ambientada nas imediações do monte canadense James Walker, localizado em Kananaskis Country, na província de Alberta.


Foto: divulgação

Com este post, eu concluo o especial sobre a trilogia Jumanji, com sua série de filmes divertidos e repletos de lugares que nos fazem querer visitá-los para sentir um pouco das vibrações presentes na tela.


Comentários

CONFIRA TAMBÉM:

"Estômago", filme de primeira e locações em Curitiba

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh

221B Baker Street - o famoso endereço de Sherlock Holmes e Dr. Watson

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

Roma em "Comer, Rezar, Amar"

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Verona e Siena em "Cartas para Julieta"