México fotografado por Luis Buñuel


Fran Mateus conferindo o trabalho de escolha das locações 
do cineasta surreal, Luis Buñuel, 
em seu período mexicano (1945 a 1967).

O cineasta espanhol, Luis Buñuel, nascido em 1900, surrealista por opção artística, ateu por convicção, amigo - e, depois, ex-amigo - de García-Lorca e Salvador Dalí (seu primeiro filme, "O Cão Andaluz" foi feito com o pintor), que flertou com Hollywood (conheceu e viu Charlie Chaplin em ação), filmou muito - e bem! - na França ("A Bela da Tarde" e "O Discreto Charme da Burguesia" que o digam), influenciou Pedro Almodóvar e decidiu encerrar sua carreira - e a vida - no amado México (país que o acolheu na década de 1940, quando estava sem dinheiro e no ostracismo; ali, Buñuel faleceu em 1983), recebeu uma simpática homenagem por ocasião da 38a Mostra de Cinema de São Paulo. 

Fotos...
Durante os anos de 1947 e 1965, Buñuel recebeu mais de 20 filmes para dirigir (alguns que gostou bastante, outros que fez por necessidade), e pôs-se nas estradas mexicanas em buscas das locações mais adequadas para cada um dos seus trabalhos. Ou seja, além de diretor, o surrealista espanhol também fazia as vezes de 'location manager' (gerente de locação).

... e, mais fotos da exposição. Ao lado de cada uma delas, 
foram colocadas pequenas imagens das cenas em 
que foram usadas nos filmes do cineasta.

Seu método era fotografar os lugares que lhe agradavam e rascunhar, nas fotos, o que ficaria aonde em cada locação. A exposição de 85 fotografias desse período está aberta ao público (infelizmente, somente até 29/outubro/14, próxima quarta-feira) e merece uma boa conferida, seja você profissional do cinema (tinha muita gente da área, hoje, por lá), mero apreciador da Sétima Arte, ou ainda, como no meu caso, um curioso 'profissional' à respeito das locações usadas em filmes.

Uma das fotos tiradas por Luis Buñuel, e exposta na Mostra, 
de uma das locações mexicanas. Nela estão o diretor de 
fotografia que trabalhava com Buñuel, e seu assistente.


A Cinemateca fica no Largo Senador Raul Cardoso, 207, 
na Vila Clementino, bairro charmoso e calmo da zona sul. 

Comentários

CONFIRA TAMBÉM:

"Estômago", filme de primeira e locações em Curitiba

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh

221B Baker Street - o famoso endereço de Sherlock Holmes e Dr. Watson

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

Roma em "Comer, Rezar, Amar"

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Verona e Siena em "Cartas para Julieta"