Os Embalos de Sábado à Noite ... no Brooklyn



Que atire a primeira pedra quem já ouviu a música ‘Staying Alive’, dos Bee Gees, e, automaticamente, não se lembrou da cena de Tony Manero, vestindo jaqueta e calça pretas de couro, uma justíssima camisa vermelha e um lustroso sapato de plataforma, caminhando de forma coreografada pelas ruas do Brooklyn, na cena inicial do filme ‘Os Embalos de Sábado à Noite’! É quase impossível não associar a cena acima de John Travolta, do alto dos seus 22 aninhos, dando vida ao sensual personagem, fã de Al Pacino, rei das pistas de danças e ícone de comportamento e de moda de toda uma geração.
As músicas dos Bee Gees (‘Night Fever’, ‘More Than a Woman’ e ‘How Deep Is Your Love’, além da já citada acima) fizeram toda a diferença para transformar o filme no sucesso estrondoso em que ele se tornou. Robert Stigwood (dono da RSO Produções) acreditou tanto no potencial delas, que lançou a trilha sonora antes do filme - numa brilhante estratégia de marketing. Bom para o filme, melhor para os irmãos Gibb, que estavam estagnados e viram o sucesso batendo-lhes à porta mais uma vez. 

Hollywood não colocava fé num filme baseado numa matéria de jornal. Assim, contrariando a torcida contra e sob a direção de John Badham, “Os Embalos de Sábado à Noite” (Saturday Night Fever) estreou em 7 de dezembro de 1977, no Grauman´s Chinese Theatre, e foi um fenômeno de bilheteria, constando na lista dos maiores sucessos cinematográficos de todos os tempos!

O mundo (ou, o Brooklyn) segundo Tony Manero

O jovem Tony Manero vivia em mundos paralelos. De dia, ele trabalhava numa loja de tintas e era esnobado pelas garotas do bairro. À noite, ele se transformava no ‘rei da discoteca’, sendo respeitado pelos rapazes – que queriam ser como ele - e cobiçado pelas mulheres. Tony tinha uma turma de amigos composta por Double J. (Pape), Bobby C. (Barry Miller) e Joey (Joseph Cali), que se autoproclamava ‘Os Faces’. Depois da balada, os rapazes costumavam ir para uma ponte, brincar de arriscar as suas vidas. Ali, eles se sentiam donos do mundo!



As garotas de Manero eram duas: Annette (Donna Pescow), apaixonada por ele a ponto de suplicar sua atenção (a atriz viveu uma das cenas mais polêmicas do filme, que ficou conhecida como ‘o estupro coletivo’, quando sua personagem, para chamar a atenção de Manero, decidiu transar com todos os amigos dele). A outra garota era Stephanie: ambiciosa e independente, ela abandonou o Brooklyn para ‘ser alguém’ em Manhattan. Com ela, Tony fez parceria num dos números de dança mais famosos da história do cinema!

Tony Manero vestindo o famoso terno ‘Hollywood está chamando’,  
escolhido pela figurinista Patrizia von Brandenstein.
As principais locações do filme foram a boate 2001 Odyssey (amplamente mostrada nas fotos acima) e a ponte Varrazano-Narrows. A primeira era localizada em Bay Ridge, o bairro point dos ítalo-americanos no Brooklyn. A ‘disco’ foi toda reformada para ficar com a cara que vemos no filme (reza a lenda que o dono do lugar adorou!). A segunda locação, por sua vez, chegou a ser considerada a ponte mais longa do mundo, quando foi inaugurada, em 21 de novembro de 1964. Ela liga o Brooklyn a Staten Island.

Tony e Stephanie numa cena com a ponte Varrazano-Narrows ao fundo.

Para mim, foi uma delícia rever o filme, neste fim de semana, logo após ter lido sobre ele em “Os bastidores de Hollywood na Vanity Fair” (livro organizado por Graydon Carter e texto do filme de autoria de Sam Kashner).

Fica aqui a dica: assista "Os Embalos..." e aproveite para dar uns passos de dança. Posso garantir que ele não é o tipo de filme para assistir e ficar ‘parado’...

Let´s go dance! :-)

Comentários

  1. Eu amo esse filme eu tinha apenas doze aninhos na época, mas oque eu vivi com os meus amigos do meu bairro foi inesquecível, por causa desse filme,as musicas,os bailinhos nos finais de semana,as coreografias que ensaiavamos depois da escola e as apresentações na escola tbm participando dos concursos do casal que melhor dançava a musica "If can HaveYou" juntos,foi maravilhoso os anos 19771978

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz de saber que este filme te traz lembranças tão boas!

      Excluir

Postar um comentário

Fale conosco

CONFIRA TAMBÉM:

"Estômago", filme de primeira e locações em Curitiba

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh

221B Baker Street - o famoso endereço de Sherlock Holmes e Dr. Watson

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

Roma em "Comer, Rezar, Amar"

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Verona e Siena em "Cartas para Julieta"