Location: Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal


A quarta produção de Indiana Jones combina aventura, espionagem e viagens pelos lugares mais exóticos do planeta, dignos de um arqueólogo que adora uma boa expedição. Além disso, 'Henry Jones Junior' reencontra Marion, o amor da sua vida e, de quebra, descobre que é pai de um jovem bem rebelde, muito parecido com ele mesmo na juventude. 
Em "Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal" (2008, Indiana Jones and the Kingdom of the Crystal Skul), quem entra no caminho do herói é a russa Irina Spalko (Cate Blanchett), uma discípula de Stalin que quer dominar o mundo (claro!). Na trama, o poder vem de uma caveira de cristal (ou várias delas, como acredita Irina) e a vilã precisa do velho Indy para ‘ajudá-la’ a encontrar Akator, o tal reino da caveira de cristal, provavelmente, habitado por alienígenas.

O filme é bacana e você deve assisti-lo se quiser saber das últimas peripécias do velho Indy (de acordo com Spielberg, Harrison Ford já tinha 65 anos quando interpretou o herói aventureiro desta sequência. Diga-se de passagem, fez isto muito bem!). Os extras do filme é que são especiais para este post. Neles, Steven Spielberg e George Lucas nos presenteiam com um diário de bordo, mostrando onde e como as cenas foram rodadas.

As primeiras tomadas foram feitas numa estrada rural de Santa Fé, no Novo México. Quando assistir o filme, preste atenção na paisagem espetacular, repleta de formações rochosas. Ali, um grupo de russos encontra um galpão de uma base militar. Na entrada do local, eles retiram Indiana Jones (Harrison Ford) do porta-malas de um velho carro das forças armadas. Esta é a 'entrada triunfal' do herói na trama.

Depois de muita briga e de se livrar dos inimigos em Santa Fé, o professor de arqueologia nas horas vagas retorna a sala de aula em New Haven, Connecticut. A locação real é a Universidade de Yale, que foi batizada para o filme como Universidade Marshall. A equipe do longa redecorou as próximidades da universidade para as filmagens da corrida de motocicleta pelas ruas, quando Mutt (Shia LaBeouf, cujo personagem foi claramente inspirado em Marlon Brando de “O Selvagem”) leva o Indiana Jones na garupa.
Hilo, no Havai, foi o lugar escolhido para as cenas de briga e perseguição na selva peruana. Foram usados 16 mil acres de uma propriedade particular, que possuia mata ainda virgem.
Estúdios da Paramount, na Califórnia, foram usados para as seguintes cenas: a das lutas no interior do galpão militar (um armazém com umas 3 mil caixas, que aparece logo no início do filme); a da casa de Jones, quando é ele demitido e  vai arrumar suas coisas para viajar até Londres; a da briga na lanchonete; a do cemitério de Chauchilla; a que achei mais impressionante, a do estúdio convertido numa base militar russa, teoricamente, localizada no meio da selva amazônica peruana (a produção usou quase oito toneladas de cobertura vegetal, uma tonelada de folhas e galhos e cerca de 70 árvores de tamanho real, para dar a ‘cara’ do lugar); e, por fim, a cena de Akator, o Reino de Cristal.
Quem assistir os extras aguardando a tão esperada cena de briga e perseguição de heróis e vilões nas Cataratas do Iguaçu, desista. As cenas em Foz não contaram com a presença do elenco. Por motivos óbvios, o barco com Indy e companhia foi colocado ali digitalmente.
Eles têm a força!
George Lucas e Steven Spielberg em Santa Fé, Novo México.
Eu achei muito bacana o DVD repleto de extras. Para o meu blog é um presente! Para alguns amantes da sétima arte pode não ser tão interessante saber o que acontece por trás das câmeras com tanta riqueza de detalhes. Mas, como existe todo o tipo de cinéfilo, muitos gostarão de saber mais sobre as aventuras de Indiana Jones contadas por quem fez.
Divirta-se com o filme!

Comentários

  1. Que máximo, Fran. Adoro a saga do Indiana Jones, ainda mais com o DVD com esses extras mostrando os bastidores, vou correr atrás. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabio, o filme é bacana para uma tarde divertida, com pipoca e refri acompanhando :-) Também curti muito. Tem um DVD somente de Extras. Abçs.

      Excluir
  2. Vale sempre a pena assistir de novo a saga de Indiana Jones nos 4 filmes feitos com esse personagem tão interessante. Que venha o quinto!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Fale conosco

CONFIRA TAMBÉM:

"Estômago", filme de primeira e locações em Curitiba

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh

221B Baker Street - o famoso endereço de Sherlock Holmes e Dr. Watson

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

Roma em "Comer, Rezar, Amar"

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Verona e Siena em "Cartas para Julieta"