Viaje com Bond, James Bond - Anos "Roger Moore"

Roger Moore foi o terceiro ator a interpretar 'James Bond' no cinema e o que mais emprestou o rosto ao espião britânico: ele atuou em 7 dos 22 filmes da marca.


Ao contrário de Sean Connery, que foi visto como um Bond cínico e durão, Moore fez uma linha mais cômica, recebendo críticas de alguns e elogios de outros. Vamos aos filmes realizados com a presença dele:

"Com 007 viva e deixe morrer" (Live and Let Die, 1973): o agente secreto vai aos Estados Unidos - Nova York, New Orleans e Louisiana - para fazer o seu trabalho de sempre: bater em bandido, dirigir Aston Martin, beijar lindas garotas e salvar a humanidade. Sem surpresas...



"007 contra o homem com a pistola de ouro" (The Man With the Golden Gun, 1974): desafios profissionais em terras exóticas. Desta vez, os grandes problemas da espionagem internacional acontecem em Beirute, Macau, Hong Kong e Bancoc. Nada que Bond não consiga tirar de letra.



"007 O espião que me amava" (The Spy Who Loved Me, 1977): depois das trilhas sonoras de abertura dos filmes, acredito que a música mais conhecida da franquia Bond seja a de "Um espião que me amava", que até ganhou uma versão em português (aquela do "ninguém me faz tão bem como você faz, ai meu homem, você é demais", lembram?).



"007 Contra o foguete da morte" (Moonraker, 1979): finalmente, Bond visita o Brasil. é o agente britânico dando duro em paisagem carioca. Uma das cenas mais bacanas deste filme é a de Bond e o vilão dos dentes de aço lutando em pleno teleférico do Pão de Açucar.



"007 somente para os seus olhos" (For Your Eyes Only, 1981): temos que concordar que Ian Fleming sabia escolher os títulos de seus livros (a maioria deles foi mantida nos filmes). Desta vez, Bond segue para Espanha e Itália para salvar o planeta de mais algum maluco que quer dominar o mundo.



"007 contra Octopussy" (Octopussy, 1983): Índia e Europa Oriental são as locações deste filme. Octopussy é quase tudo ao mesmo tempo: filha de vilão, vilã, mocinha e a amante da vez do nosso herói.



"007 na mira dos assassinos" (A View to a Kill, 1985): se Moore foi criticado por esta interpretação, para Grace Jones foram só elogios. A trama se desenrola no Vale do Silício. O que Bill Gates e Steve Jobs devem ter achado desta invasão?

"A View to Kill' marca o fim da era 'Roger Moore' no papel do famoso agente britânico. O bastão foi passado para Timothy Dalton, que realizou 2 filmes da série: "007 Marcado para morrer" (The Living Daylights, 1987) e "007 "Permissão para matar" (Licence to Kill, 1989).



Nota da autora: no filme "Permissão para matar", creio que se o Capitão Nascimento fosse o chefe de Bond, ele teria respondido algo do tipo: "Permissão concedida, agente!".


Comentários

CONFIRA TAMBÉM:

"Estômago", filme de primeira e locações em Curitiba

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh

221B Baker Street - o famoso endereço de Sherlock Holmes e Dr. Watson

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

Roma em "Comer, Rezar, Amar"

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Verona e Siena em "Cartas para Julieta"